O sistema de anestesia é essencial na maioria dos estudos de anatomia e fisiologia in vivo, mantendo o animal confortável e impedindo qualquer sensação de dor.

Frequentemente é associado a estereotáxicos, principalmente quando o que se quer é fazer microcirurgias, posicionamento de cânulas e afins – Neste caso, além da câmara de indução e da mascara que é instalada diretamente no estereotáxico, pode-se ainda configurar o equipamento com manifold (mais de um animal) e ainda colocar um sistema de segurança que permite o uso do equipamento mesmo em ambientes restritos e sem auxílio de uma capela, mantendo a segurança dos usuários.

 


Como funciona o sistema de anestesia da RWD?

 

  1. Vaporizador – O vaporizador é responsável por evaporar o anestésico (isoflurano ou sevoflurano)
  2. A fonte de gás de arraste que pode ser um cilindro de oxigênio ou uma bomba de ar comprimido, fornece o gás que levará o anestésico até o animal – seja na câmara de indução ou diretamente na máscara.
  3. Câmara de indução – Local onde o animal é colocado para que receba o anestésico, facilitando assim seu posicionamento no estereotáxico.
  4. Estereotáxico – Plataforma que mantém o animal imobilizado, com um ou dois manipuladores(torres) que podem ser digitais ou manuais, afim de proporcionar mais precisão nos movimentos (confira aqui opções)
  5. Sistema de segurança – Sistema que leva o gás anestésico em excesso, ou seja, que não foi inalado pelo animal, até um composto absortivo que impede que o anestésico contamine o ar do laboratório

 

 

Confira o vídeo montando o sistema:


Maquinas de Anestesia por Inalação

Kit incluí: 

 

  • Maquina de anestesia por inalação R500/R540/R550/R520/R530
  • Vaporizador – R580
  • Caps de entrada e saída – R580-IO
  • Kit de tubos conectores

Acessórios

 



Para mais informações entre em contato com nosso Especialista de Produtos

Luis Perin

Celular: (19) 3833-6814 / E-mail: luisperin@interpriseusa.com

ou

entre em contato com nossa Equipe Comercial